Dinâmica Pescador de Cristo – A Rede De Pesca

Dinâmica Pescador de Cristo

Dinâmica Pescador de Cristo

Dinâmica Pescador de Cristo

A dinâmica pescador de Cristo está baseado na parábola da rede de pesca registrada no evangelho de Mateus Capítulo 13 versículos 47 a 50.

O texto diz:

Igualmente, o Reino dos céus é semelhante a uma rede lançada ao mar e que apanha toda a qualidade de peixes. E, estando cheia, a puxam para a praia e, assentando-se, apanham para os cestos os bons; os ruins, porém, lançam fora. Assim será na consumação dos séculos: virão os anjos e separarão os maus dentre os justos. E lançá-los-ão na fornalha de fogo, ali, haverá pranto e ranger de dentes”.

Jesus continua comentando, através das parábolas, sobre a grande quantidade de pessoas que eram atraídas pelo evangelho, mas sem preencher as qualificações e virtudes espirituais.

Através desse texto podemos extrair princípios morais e espirituais para enriquecer a nossa dinâmica pescador de Cristo.

Veja também: dinâmica tesouro escondido.

Veja também: dinâmica sobre semeadura.

 

Guia Prático | Veja Como Tornar A Sua Aula Mais Dinâmica

Clique Aqui E Baixe Seu Guia Agora Mesmo!

 

Dinâmica Pescador de Cristo – Princípio Moral e Espiritual

Dinâmica pescador de Cristo – Princípio Moral:

A parábola ilustra, através dos peixes bons e ruins, a identidade natural das pessoas que existem no mundo; sempre haverá pessoas boas e más. Só quem pode mudar a natureza carnal e pecadora do homem é Deus. As falhas de caráter são danosas, tanto para o individuo que as apresenta, como para a sociedade, que sofre suas consequências. Se Deus não intervir para transformar suas atitudes, todos perecerão na areia diante dos olhos dos homens.

 

Dinâmica pescador de Cristo – Espiritual:

Deus transforma a natureza ruim e pecadora dos homens e convida-os, através do amor e misericórdia, a pescar outros para o seu Reino. Enquanto o homem está na rede, há esperança de mudança, ele tem a oportunidade de entregar a sua vida para Deus concertar. Durante o convívio entre os irmãos, uma rigorosa observância da doutrina bíblica deve ser ensinada e praticada.

Na rede todo homem precisa passar pelas mãos do Salvador, para tirar a aparência de pescador e tornar-se um filho amado de Deus. Quando chega o momento do peixe ser retirado da rede, acontece uma seleção rigorosa, Deus ordena aos anjos que selecionem os bons e os ruins. Os bons vão para o cesto de Deus, e os ruins serão lançados no fogo.

Veja também: dinâmica da parábola do grão de mostarda.

Veja também: dinâmica do joio e do trigo.

 

Discussão em Grupo:

– Qual a real situação da rede onde você está?

– Como tem sido o seu comportamento dentro da rede?

– Trace o perfil dos peixes que já foram consertados por Deus e daqueles que não permitem que sejam tratados.

 

Dinâmica pescador de Cristo – A Pescaria

Essa dinâmica do pescador de Cristo é excelente para facilitar a reflexão sobre os tipos de pessoas que pescamos para Cristo e como resolver seus problemas.

Objetivo: Construir o retrato da identidade das pessoas sem Cristo, pois umas ainda são dominadas pelo mal e outras já foram libertas de suas maldades por Cristo.

Material: Linhas de tricô de várias cores, uma caixa com pó de serra, anzol para pescar, peixinhos com semblantes diferentes: Alegre, triste, cansado, com raiva, com preguiça, com malícia, chorando, com fúria, cheio de maldade, com medo, tímido, invejoso, ciumento, agressivo, desinteressado, com vício. Os peixes devem estar dentro da caixa com pó de serra, escrito atrás o tipo de temperamento que está expressando.

Procedimento:

  • Quarto Passo: Quando todos tiverem suas respostas, solicite que cada um apresente o seu peixinho e diga como pode ajudar na recuperação ou enriquecimento.
  • Terceiro Passo: Quando todos tiverem pescado e recebido o seu peixe, os participantes devem fechar os olhos para refletir como podem ajudar o seu “peixinho ruim” a mudar de identidade ou se já for “bom peixe”, como espalhar a sua bondade aos outros.
  • Segundo Passo: Oriente que cada pessoa deverá pescar um peixinho e entregar ao seu companheiro. Ninguém vai pescar para si.
  • Primeiro Passo: Prepare todo o material com antecedência. Faça a leitura da Palavra e comece a pescaria.
  • Quinto Passo: Aqui começa a segunda parte da dinâmica pescador de Cristo. O líder entrega as linhas coloridas para que faça uma grande rede para fixar os peixinhos.  A rede vai simbolizar através das cores, as diversas características que existem no grupo, onde todos formam uma grande rede de proteção temporária, pois no momento estabelecido a seleção será feita com rigor.

Veja também: dinâmica do joio e do trigo.

Veja também: dinâmica do semeador.

 

Aplicação Prática:

– Para que serviu a dinâmica do pecador de Cristo?

– O que você pretende praticar ao sair da reunião?

– o lugar mais seguro para o crente é na rede do pescador. Você já se sentiu na rede, mas abandonado, sozinho, mesmo que esteja cheio de gente ao seu redor?

– A rede simboliza a Igreja. Como você se sente dentro deste refúgio temporário?

 

 

Comentários